RETORNO DAS ATIVIDADES PRESENCIAIS EM 2022

Em Manguinhos, a população da região com o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) inferior a países como Gabão e Argélia, na Àfrica¹, segue se recuperando das marcas deixadas pela pandemia. 

Nos espaços da RedeCCAP foram dois anos sem atividades presenciais, tempo demais para se estabelecer, por intermédio da internet, a aspiração de desenvolvimento e protagonismo local de Manguinhos.

Em 2020 pudemos constituir o projeto de lives do Casa Viva ConVida e a oferta de cestas básicas e kits de higiene para a população. No ano seguinte (2021) aulas on-line com Apresentação Trimestral da Escola de Música de Manguinhos, também por meio virtual, renovo da oferta de assistência social por meio da distribuição de cestas básicas de alimento, e projetos como o Projeto Cultura em Manguinhos, com incentivo pela Lei Municipal de Incentivo à Cultura- Lei do ISS e o Projeto infantil Contos com o Vid, com incentivo do Prêmio de Projetos de Fomento à Todas as Artes.

Mas as marcas deixadas após dois anos da pandemia de Covid-19, sobretudo, escancarou os abismos sociais nas esferas socioeconômicas e educacionais. O isolamento social, a “apartheid intelectual”, determinada pelo não acesso à internet, teorizado por intelectuais, reverbera na sociedade e, principalmente, na população de Manguinhos, região com águas que deságuam no Canal do Cunha, a mais poluída de todas as contribuintes da Baía de Guanabara, que tem o maior crescimento populacional (entre 1991 e 2000) ², e extensamente conhecida por seus altos índices de violência e baixo IDH³.

Manguinhos. Suas indeléveis injustiças sociais. Seu contínuo apartheid cultural.

Imensurável foi a euforia da abertura de inscrições para a volta às aulas presenciais dos projetos. O ano de 2022 dá as boas-vindas com a vacinação, a retomada nas atividades presenciais e alguma possibilidade de retornar à troca do tato humano.

Os espaços da RedeCCAP puderam voltar a respirar compromisso com nossa missão, mas, acima disso, risos, calor humano e as conquistas com os saberes fomentados nos projetos atuantes sob o resguardo da OSCIP.

As aulas presenciais da Escola de Música de Manguinhos foram retomadas, assim como as do Projeto Oficina Portinari; o espaço da Biblioteca Casa Viva pode reabrir suas portas e, sob o Espaço do programa Casa Viva, puderam estabelecer juntos o Baile Cultural Infantil do Programa Casa Viva/RedeCCAP:

Baile Cultural Infantil

As atividades de pesquisa/ação puderam ser retomadas, o Projeto Cultura em Manguinhos pode ter sua turnê de lançamento dos livros e documentário, frutos do projeto, estabelecida nos quatro cantos da cidade do Rio de Janeiro e novos projetos poderão voltar a sair do desenho no papel para ganhar corpo presente.

Capas de alguns livros produtos do projeto Cultura em Manguinhos
Arte divulgação da turnê de lançamento do romances do Projeto Cultura em Manguinhos

Somos a OSCIP RedeCCAP. Manguinhos impregna em nós um desejo que é nossa ambição e compromisso maior, o de atuar em prol do desenvolvimento SOCIALMENTE JUSTO, DEMOCRÁTICO e SUSTENTÁVEL do território.

¹https://www.terra.com.br/noticias/brasil/rj-favela-do-mandela-tem-idh-pior-que-o-de-paises-africanos,9f5a4bc92690b310VgnCLD200000bbcceb0aRCRD.html#:~:text=A%20Favela%20do%20Mandela%2C%20localizada,(0%2C754)%2C%20na%20%C3%81frica

² https://observaconflitosrio.ippur.ufrj.br/site/noticias2.php?id=24

³ https://www.webquarto.com.br/guia-bairros/24216/manguinhos-rio-de-janeiro-rj

Mais sobre:

https://www.gazetadopovo.com.br/educacao/apartheid-cultural-como-a-rejeicao-a-intelectualidade-tem-efeitos-danosos-na-sociedade/

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/redeccap/www/wp-includes/functions.php on line 5275

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/redeccap/www/wp-includes/functions.php on line 5275